Maior Flash Mob da história – 21 mil pessoas

Aproveitando o post anterior, no qual eu mostrei o que aconteceu no último Sábado em Salvador, hoje trago o maior Flash Mob que aconteceu na história exatamente 9 dias antes do que foi realizado em Salvador – Bahia.

No dia 10 de setembro o grupo Black Eyed Peas quebrou o recorde de maior flash mob da história, ao reunir cerca de 21 mil fãs na Avenida Michigan, em Chicago, nos EUA para comemorar a passagem da 24ª temporada do programa de Oprah Winfrey na TV. O grupo preparou uma surpresinha para ela ao tocar o grande hit I Gotta Feeling com uma coreografia inacreditável envolvendo toda essa multidão. Tudo começa com uma garota dançando sozinha na frente do palco, logo depois toda a multidão começa a fazer a mesma coreografia. Oprah (que não sabia de nada), ficou chocada com o que estava vendo, enquanto gravava tudo em seu celular. A apresentadora então gritou: “Isso é tão legal!! É a coisa mais legal que eu já vi…Chicago eu amo vocês!!!!!!” Durante a entrevista que o grupo deu após a apresentação, o lider do grupo Will.i.Am contou que chamou 800 fãs para ajudar na coreografia, que depois foi passada para as mais de 20 mil pessoas presentes na hora. Sobre isso Will falou: “Eu não pensei que ia ser assim tão espetacular…Você fala sobre a participação da platéia, mas tudo foi além…Isso é tão incrivel…É a melhor apresentação que já fizemos!” A apresentação foi tão bem recebida nos EUA que após a exibição do programa, a música I Gotta Feeling que estava em 4º lugar no iTunes, voltou ao topo da parada da loja virtual, garantindo assim pelo menos mais uma semana no topo da Billboard Hot 100, onde a música já se encontrava em primeiro há 11 semanas.

Vale a pena conferir e comentar!

Filmagem Principal

Vista Superior

Imagem do fundo

Ensaio

3 thoughts on “Maior Flash Mob da história – 21 mil pessoas

  1. Pingback: Flash Mob na Universidade (UQAM) - I Gotta Feeling | Domicio Neto

  2. Pingback: Flash Mob na Universidade (UQAM) - I Gotta Feeling | Especialista em SEO

  3. Pingback: Ride a Century

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *